sábado, 17 de janeiro de 2009

ENERGIA (“gande” maluca)


Creio que não se poderá discordar que a energia se movimenta duma forma circular, se “olharmos” para o universo “tudo” se movimenta num formato circular.

Quando se liberta água parada num lavatório ela escoa girando (dependendo do hemisfério o sentido da rotação), a terra gira, os outros planetas giram (a lua é um corpo morto que não gira), o sol e as outras estrelas giram, o nosso sistema solar gira, a nossa galáxia e as outras galáxias giram, o nosso universo e “todos os outros universos” giram possivelmente tendo como eixo um ponto que não gira e que deve ser o centro de tudo.

Todos os átomos tem electrões que giram a volta do núcleo, a captação de energia que o nosso corpo faz (chakras) é no formato de vórtices.

Os nossos pensamentos são energia, que ao serem emitidos também tem um caminho circular, acabam por voltar para nós dado não sermos o centro mas estarmos na orla, daí possivelmente aquilo de colher o que se plantar.
Prefiro lhe chamar "Efeito boomerango!"

Fiquem bem

3 comentários:

Andre Martin disse...

Detalhe (sobre seu post) :
O girar, dependendo do ponto de observação no espaço, pode significar ondas! Onde se vê movimentos circulatórios, estes podem ser vistos como freqüências vibratórias!

Conclusão :
Então, deixe de onda: não é tudo muito "giro"? rsrs

Outra Pergunta (outro assunto) :
Você costuma ler comentários adicionados posteriormente em post mais antigos?

Carteiro disse...

Olá André
As ondas são um padrão de deslocação, determinado tipo de energia pode se deslocar numa determinada frequência, num determinado ciclo de onda, mas a sua trajectória é circular.

Como recebo os comentários por mail, seja qual for, recebo sempre.

Fica bem

A Senhora disse...

Bom, pelos meus temas desenvolvidos em blog, até da'para perceber que também adoro essas coisas, né? :)